Agricultura de Precisão: a tecnologia aliada ao produtor rural

Agricultura de Precisão: a tecnologia aliada ao produtor rural

Nos últimos anos, o agronegócio brasileiro vem sofrendo grandes transformações em seus processos tornando-se uma atividade altamente competitiva. Diante de tantas mudanças, a agricultura exige dos produtores rurais muito mais especialização e técnicas precisas para o aumento da capacidade produtiva e rentabilidade de suas lavouras.

Com o avanço da tecnologia e as infinitas possibilidades que ela permite, o produtor rural vem buscando novas formas de melhorar a sua área produtiva, adequando a tecnologia com a sua realidade. Todo esse avanço e a gama de opções que surgem no mercado são em virtude dos constantes riscos que o produtor está exposto e que definem o desenvolvimento da sua produtividade. Sendo assim, torna-se fundamental que os produtores rurais tenham conhecimento de técnicas que aumentem sua eficiência na aplicação dos recursos disponíveis, como forma de assegurar o sucesso em sua atividade.

IRRIGAÇÃO DE PRECISÃO, VOCÊ JÁ PENSOU NISSO?

Dentre tantas tecnologias oferecidas no mercado, destaca-se a Agricultura de Precisão (AP), que se desenvolveu como um sistema de gerenciamento de informações e teve seu crescimento potencializado a partir do próprio avanço da tecnologia de georreferenciamento, como o Global Positioning System (GPS) e de tecnologias de sensoriamento remoto.

Hoje, a Agricultura de Precisão e/ou Agricultura Digital é conhecida como um sistema de manejo integrado de informações e tecnologias, fundamentado nos conceitos de que as variabilidades de espaço e tempo influenciam nos rendimentos dos cultivos. Desta forma, a AP visa o gerenciamento mais detalhado do sistema de produção agrícola como um todo, não somente das aplicações de insumos ou de mapeamentos diversos, mas de todo os processos envolvidos na produção.

Esses processos que envolvem a AP são feitos através de um conjunto de ferramentas, como o GNSS (Global Navigation Satelite System), o SIG (Sistema de Informações Geográficas), além de instrumentos e de sensores para medidas.

JOHN DEERE APOSTA NA AGRICULTURA 4.0, CONFIRA

“A AP nada mais é do que uma forma de gerir uma lavoura metro a metro, levando em consideração o fato de que cada área tem potencial diferente e precisa ser otimizada”– argumentam os engenheiros agrônomos Rodrigo e Leonardo Rossato.

A Agricultura de Precisão oferece grandes benefícios para os usuários deste sistema, como uma rápida e correta tomada de decisão, aumento da produtividade, melhora da rentabilidade, aumento da eficiência produtiva, além de otimizar os custos de produção e claro, contribui para a redução da degradação ambiental, pelo uso correto de fertilizantes e corretivos.

Fique por dentro das novidades em Agricultura de Precisão através do Facebook dos nossos parceiros da Agroprecision ou acesse o site http://agroprecision.com.br/ 

Aplicação da Ressonância Magnética Nuclear no solo será tema de debate →

Deixe seu comentário aqui