Bayer viaja pelo Brasil com caminhão de sementes de tomate

Bayer viaja pelo Brasil com caminhão de sementes de tomate

Bayer busca semear a inovação e o futuro do mercado com iniciativa pioneira do setorEm comemoração aos 100 anos da Nunhems, marca de sementes de hortaliças comercializada pela Bayer Vegetable Seeds, a Bayer desenvolveu o projeto itinerante Sementaria. Esta ação itinerante consiste em um caminhão que percorrerá os principais polos produtores de tomate nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio Grande do Sul e Santa Catarina compartilhando inovação e experiências para ajudar o produtor no momento da compra.

“Vamos colocar o pé na estrada até o final de setembro, nos aproximando ainda mais dos nossos clientes e apresentando a eles nossa visão de futuro para a tomaticultura. Acreditamos na força das grandes parcerias e queremos mostrar ao mercado toda a inovação e o investimento que está por trás de cada uma das sementes que comercializamos”, explica Paulo Tomaseto, Gerente Nacional de Vendas.

O executivo elenca que as ações dentro do Sementaria – nome dado pela equipe da unidade de sementes da empresa para o caminhão – foram pensadas para que o visitante tenha uma experiência diferente e se interesse cada vez mais pelo cultivo do fruto. “Com o conhecimento apropriado e produtos diferenciados, o produtor conseguirá alavancar a produtividade da sua lavoura e crescer de maneira contínua e sustentável. Este é o principal objetivo do projeto: reforçar nossa parceria com o cliente final buscando evolução e sucesso conjunto. Grandes players do mercado de tomate já trabalham conosco há mais de uma década e estamos exibindo seus depoimentos nos eventos do Sementaria – o que queremos é justamente fomentar novos relacionamentos, tão duradouros quanto essas histórias de sucesso”, finaliza Tomaseto.

Quem participar das atividades da Sementaria vai conferir:

  • Tomate Pizzadoro: Líder de mercado no segmento italiano, tipo saladete. Proporciona frutos firmes, alongados e de excelente sabor
  • Tomate Totalle: 100% brasileiro. Oferece a maior resistência às principais enfermidades aliada a excepcional qualidade de fruto. Alta produtividade aliada à rentabilidade.
  • Tomate Arendell: 100% brasileiro. Apresenta excelente pós-colheita, sabor e firmeza. Seu grande potencial produtivo rende frutos uniformes, com plantas vigorosas e de boa cobertura foliar.
  • Programa de Melhoramento Brasileiro: Híbridos com genética 100% brasileira, portanto mais adaptados às nossas condições climáticas, de solo e aos nossos desafios da produção. As estações de melhoramento da Bayer ficam em Uberlândia (MG) e Mossoró (RN).
  • Porta Enxerto: Tecnologia inovadora que promove maior resistência e vigor às plantas, possibilitando a produção contínua e sustentável.

Bayer: Science For A Better Life (Ciência para uma Vida Melhor)
A Bayer é uma empresa global focada em Ciências da Vida nas áreas de cuidados com a saúde humana, animal e agricultura. Seus produtos e serviços são desenvolvidos para beneficiar as pessoas e melhorar sua qualidade de vida. Além disso, a companhia objetiva criar valor por meio da inovação. A Bayer é comprometida com os princípios do desenvolvimento sustentável e com suas responsabilidades sociais e éticas como uma empresa cidadã. Em 2015, o grupo empregou cerca de 117 mil pessoas e obteve vendas de € 46.3 bilhões. Os investimentos totalizaram € 2.6 bilhões e as despesas com Pesquisa & Desenvolvimento somaram € 4.3 bilhões. Esses números incluem os negócios de polímeros de alta tecnologia, que foram lançados no mercado de ações como companhia independente nomeada Covestro, em 06 de outubro de 2015.

Para mais informações sobre a divisão Crop Science, acesse nosso site: www.bayer.com.br e os nossos canais nas redes sociais: Facebook (www.facebook.com/BayerCropScience.BR); Twitter (Bayer4CropsBR); YouTube (www.youtube.com/BayerCropScienceBR). – S2Publicom – Assessoria de Imprensa – Carlos Nascimento Jr.

← Pesquisa alerta sobre risco de o manejo inadequado na lavoura provocar resistência a pragas O Manejo 4C para construir solos de alta performance →

Deixe seu comentário aqui