Consultoria e colaboradores focados no resultado

Consultoria e colaboradores focados no resultado

A profissionalização também precisa de foco na gestão de pessoasA consultoria moderna e eficaz proporciona suporte técnico e gerencia colaboradores para que estejam alinhados à estratégia de uma empresa. Com base nesses conceitos, foi que a Cambaí torna-se um case de sucesso. A partir de mudanças significativas em sua equipe, com o auxílio de uma gestão profissional, ela ampliou os resultados.

O processo de mudança para fazer a diferença começou na importância de entender “como fazer” e “quem fazer”. O “como fazer” está relacionado ao conhecimento. Problemas recorrentes na propriedade podem ser solucionados com alteração de rotinas, chamadas de processos na área de gestão. Os processos adequados garantem menos desperdício de tempo e dinheiro, diminuem o retrabalho e impactam no resultado final. O “quem fazer” está ligado à correta seleção, desenvolvimento e retenção de profissionais. Cada colaborador deve ter a consciência suficiente, motivação e disciplina para atingir o que foi planejado.

Enquanto o engenheiro agrônomo monitora o desenvolvimento da cultura, verifica a execução das ações planejadas e cruza dados da análise de solo e da estação meteorológica da fazenda para fazer correções com taxas variáveis, outra equipe cuida do gerenciamento, faz reuniões com os funcionários para manter todos motivados e com o melhor desempenho.

Na Cambaí, a maior necessidade estava na mudança da atitude da equipe e a importante contratação de uma gerente que, entre outras atividades, desenvolve-se as pessoas e apoiasse nas demandas mais complexas.

“Com certeza, ocorreram muitas transformações na propriedade. A principal, talvez, na qualificação da equipe. Ter as pessoas certas no lugar certo, ao meu ver, muda completamente o resultado. Antes, não tínhamos essa percepção, e nem a qualificação para selecionar essas pessoas. Com as pessoas e ferramentas corretas, nos sentimos mais tranquilos, ficando com mais tempo para atuar em outras atividades”, afirma Valdinei Donato, Engenheiro Agrônomo proprietário da fazenda Cambaí.

Hoje, a propriedade também conta com um sistema de premiação por resultados, o que gera uma motivação extra para o trabalho. “O empresário precisa estar com os olhos para fora da empresa e ter na mão os números de todos os negócios para a tomada de decisão. Para se ter uma noção do tamanho do detalhamento, todas as notas precisam discriminar a qual negócio pertence o custo. A equipe passou a conversa, discutir, se tornou focada e mais competente. Eles se sentem parte do negócio, e são. O conhecimento é compartilhado. Todos têm liberdade de questionar para atingir o melhor resultado”, acrescenta a gerente da fazenda, Márcia Pinzon.

Com o suporte da consultoria, direcionando e qualificando, todos estão engajados no desejo pelo crescimento contínuo.

“Para entender a importância da profissionalização da gestão, comparo com o caso de uma pessoa que diz às outras que a sua saúde está perfeita. Mas, precisaria ir ao médico e fazer exames para ter certeza. A visão de um especialista é muito mais apurada para indicar mudanças ou tratamento. Assim, se dá com o aprimoramento da gestão. No cenário anterior que o Brasil vivia, algumas deficiências passavam despercebidas. Hoje, com aumento de preços, do dólar e do cenário econômico precisa-se buscar ganho na redução de custo (usando menos ou com menor preço), aumento de eficiência operacional e produtividade”, encerra o diretor do Grupo Agros, Adalberto Coimbra.

← Governança em empresas rurais familiares - Pais x filhos Produção de grãos deve ser de 200 milhões de toneladas →

Veja quem comentou

  1. Basil
    09/09/2015 at 10:50

    Muito bom Beto. Sem vocea jamais teoiamrs estes momentos registrados. Espero que a ABES tenha como armazenar este acervo para no futuro relembramos o nosso passado. As coisas boas que estamos fazendo Uma abrae7o, Vitorio.


Deixe seu comentário aqui