Operação prende acusados de adulterar leite

Operação prende acusados de adulterar leite

Operação prende acusados de adulterar leiteO Ministério Público do Rio Grande do Sul cumpre, nesta quarta-feira (13), seis mandados de prisão preventiva, três de prisão cautelar e oito mandados de busca e apreensão nas cidades de Campinas do Sul, Jacutinga e Quatro Irmãos, na região Norte do Estado. Também há ordem judicial para apreensão de quatro caminhões. Participam, ainda, da operação integrantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e da Receita Estadual.

Conforme as investigações da Operação Leite Compensado 8, 39 laudos elaborados pelos laboratórios da Univates e da Alac (que são credenciados ao Mapa), sendo 22 referentes a coletas realizadas pelo Mapa nos dias 9, 10, 11 e 30 de março deste ano, apontaram que houve fraude pela adição de água dos leites crus refrigerados entregues pela Transportes Odair Ltda. e recebido pela Cooperativa de Pequenos Agropecuaristas de Campinas do Sul (Coopasul). Também foi detectada alteração na densidade do leite (por adição de produtos como sal, açúcar ou amido de milho, por exemplo), acidez elevada (que indica a deterioração por microorganismos) e adição de soro de leite.

Leia a notícia na íntegra no site do Terra

Fonte: Terra

← Recuos nos preços da soja UPF inaugura novas instalações do Laboratório de Nematologia →

Deixe seu comentário aqui