ccgl-completa-dez-anos-em-cruz-alta

CCGL completa dez anos em Cruz Alta

A Cooperativa Central Gaúcha Ltda promove encontro com lideranças, imprensa e autoridades locais para o lançamento comemorativo aos dez anos de atuação em Cruz Alta. A proposta do evento, que será realizado no dia 19 de julho, é fazer uma retrospectiva dos reflexos da presença da empresa na comunidade e região.

Segundo Caio Vianna, Presidente do Grupo CCGL, o momento será uma oportunidade para avaliar o custo-benefício que um projeto dessa natureza traz para o desenvolvimento regional. “Vamos analisar o significado da CCGL de forma comparativa, do antes e depois, já que muitas ações vieram se desenrolando em um crescente, agora olharemos o conjunto da obra ao longo dos dez anos da Cooperativa em Cruz Alta e a implantação gradativa das ações,” salienta.

O Presidente destacou também a oportunidade de prestar contas à comunidade. “Vamos fazer uma prestação de contas dos programas de incentivos fiscais, rateio de ICMS e as vantagens que os mesmos trouxeram, além de agregar valor na produção agropecuária, melhorias de índices de produtividade e qualidade no setor leiteiro,” conclui.

Banner

A instalação em 2008 e duplicação em 2016 do parque industrial de leite em pó refletiu no desenvolvimento sócio-econômico das cooperativas, famílias de produtores e na economia estadual. Desta forma promovendo a geração de empregos, qualificação e treinamento de pessoas, novas demandas de serviços dos profissionais liberais em qualidade e quantidade, mais arrecadação para Cruz Alta e municípios de origem da matéria-prima (leite), na construção civil, transporte, combustíveis, alimentação e comércio em geral.

A unidade de lácteos trabalha no sistema cooperativo e tem associadas as principais cooperativas agropecuárias gaúchas, o que representa um universo de 171.000 produtores rurais, em mais de 350 municípios do Rio Grande do Sul. Atualmente, a CCGL responde por cerca de 10% da produção de leite em pó do Brasil, e está entre as sete maiores empresas em captação no país.

Deixe seu comentário