Segunda etapa da vacinação contra aftosa vai até final de novembro

Segunda etapa da vacinação contra aftosa vai até final de novembro

vacinacao aftosaNo dia 1° de novembro começou, em todo país, a segunda etapa da vacinação contra a febre aftosa. A expectativa é que 150 milhões de cabeças de gado sejam vacinadas até o final dessa fase, que vai até o dia 30 deste mês.

No Rio Grande do Sul, assim como na Bahia, Goiás, Mato Grosso do Sul, exceto no Pantanal, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Sergipe e Tocantins, além do Distrito Federal, a aplicação da dose de novembro é obrigatória apenas para os animais com até 24 meses de idade. Nos demais estados todo o rebanho bovino e de búfalos deverá ser imunizado. O rebanho brasileiro corresponde a cerca de 215 milhões de animais: 213,8 milhões de bovinos e 1,1 milhão de bubalinos.

Segundo orientações do Ministério da Agricultura, o criador deve estar atento aos aspectos práticos da imunização. O pecuarista precisa, por exemplo, pegar a nota fiscal da vacina com o fornecedor do produto e apresentá-la ao serviço veterinário oficial do município, junto à relação dos animais imunizados, para declarar a vacinação. Além disso, ele deve ter cuidado com o transporte e armazenamento da vacina, procurando mantê-la sempre na temperatura de 2º a 8ºC para não perder a eficácia.

Outros cuidados são com a aplicação da dose correta do produto (5 ml) na lateral do pescoço do animal, usando seringas e agulhas limpas e não danificadas ou tortas. O produtor deve ficar atento aos prazos da vacinação e sua declaração no serviço veterinário oficial, porque o descumprimento impedirá a emissão de Guia de Trânsito Animal e pode gerar multas.

← Produção de carne de frango cresce no Brasil Considerações sobre o processo fermentativo de silagens de milho →

Deixe seu comentário aqui