Soja: Mercado opera em queda nesta 3ª feira em Chicago aguardando números do USDA

Soja: Mercado opera em queda nesta 3ª feira em Chicago aguardando números do USDA

Chicago aguardando números do USDANa manhã desta terça-feira (30), os futuros da soja recuam na Bolsa de Chicago. O mercado se mantém na defensiva à espera dos números que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) traz hoje sobre a área de plantio no país e ainda o volume dos estoques trimestrais em 1º de junho. Os números, segundo acreditam analistas, devem mexer com o andamento dos negócios, trazendo um possível direcionamento, e com o ânimos dos investidores.

Segundo expectativas de consultorias internacionais, a área de soja poderia vir ligeiramente maior do que o registrado no boletim de intenção de plantio de março. Apesar disso, muitos analistas – nacionais e internacionais – afirmam que, mesmo que isso aconteça, o quadro pode não refletir a realidade da safra americana, principalmente por conta das adversidades climáticas, mas sim o conservadorismo do USDA.

[ubm_premium_banner_rotation banners=4,5,19 interval=8 width=250 height=250 orderby=rand]

Além disso, os negócios receberam ainda as informações do último boletim de acompanhamento de safras, divulgado no final da noite desta segunda-feira (29). O departamento informou que o plantio da oleaginosa, até o domingo (28), foi concluído em 94% da área, o índice é o mesmo do ano passado, porém, pouco menor do que os 95% da média dos últimos cinco anos.

Apenas 63% das lavouras estão em boas ou excelentes condições, número menor do que os 65% da semana anterior e do que os 72% de 2014 nessa mesma época. Já em situação ruim ou muito ruim, o índice passou de 8% para 9% e ficou abaixo dos 5% do ano passado. Em situação regular se encontram 28% das lavouras de soja, contra 27% da semana passada e 23% do ano passado.

Veja como foram as cotações da soja ontem AQUI.

← Não tem como voltar para a capinação, diz gerente da Basf sobre herbicidas Mercado no Brasil mantém preços acima dos R$ 70 com leve alta na CBOT e no dólar →

Deixe seu comentário aqui