Soja segue de olho no clima adverso dos EUA

Soja segue de olho no clima adverso dos EUA

Chuvas Continuam Chegando Ao Meio-Oeste Dos EUA E Comprometendo Áreas De SojaO mercado internacional da soja segue operando próximo da estabilidade e sem oscilações muito expressivas. Os futuros da oleaginosa, por volta das 14h20 (horário de Brasília), perdiam entre 1,25 e 4,25 pontos, com perdas, com exceção do julho/15, que valia US$ 10,45 e subia 1,50 ponto.

Os negócios parecem ainda buscar uma direção depois do início agitado da semana e tentam manter a estabilidade para “acomodar” os preços nesses novos patamares, segundo explicaram analistas. Durante o pregão desta quinta, o mercado já testou os dois lados da tabela e chegou a acentuar suas baixas.

Paralelamente, os traders seguem sentindo e acompanhando a volatilidade trazida pelo momento do mercado climático e as previsões que indicam, pelo menos até o final dessa semana, mais chuvas para o Meio-Oeste americano. Segundo informações do agrometeorologista Marco Antônio dos Santos, da Somar Meteorologia, essas precipitações devem se estender, pelo menos, por mais essa primeira quinzena de julho.

[ubm_premium_banner_rotation banners=4,5,19 interval=8 width=250 height=250 orderby=rand]

E o especialista afirma ainda que, nas áreas onde os campos estão alagados e as plantas sofrendo com as cheias, as perdas são irreversíveis, o que significa dizer que, apesar de uma grande safra que deve ser colhida nos Estados Unidos, o potencial produtivo de soja e milho já não é mais o mesmo.

Fonte: Notícias Agrícolas

← Bolsas de Chicago e NY não operam nesta 6ª feira antecipando feriado de 4 de julho nos EUA Soja: Mercado busca direção e acompanha o clima nos EUA na manhã desta 5ª na CBOT →

Deixe seu comentário aqui