Soja: Semana começa com disponível em R$ 68 nos portos do Brasil – via Notícias Agrícolas

Soja: Semana começa com disponível em R$ 68 nos portos do Brasil – via Notícias Agrícolas

Nesta segunda-feira (15), os preços da soja fecharam com leves altas no mercado futuro norte-americano. A commodity subiam entre 1 e 2,25 pontos na Bolsa de Chicago, levando o julho/17 a US$ 9,65 por bushel e o novembro/17, referência para a safra americana, a US$ 9,60.

Durante o pregão, os futuros da soja chegaram a testar altas mais expressivas, porém, ainda assim foram insuficientes para permitir que os preços no Brasil pegassem carona nesse bom momento, pressionados ainda pelo dólar baixo frente ao real. A moeda americana recuou pelo quinto pregão consecutivo e fechou o dia com R$ 3,1060, com uma queda de 0,58%.

“O mercado está otimista em relação à reformas. O dólar ir abaixo de 3,10 reais e ficar lá depende de Brasília”, afirmou o gerente de câmbio da corretora Fair, Mario Battistel à agência de notícias Reuters.

Com isso, as principais referências no mercado interno voltaram a cair. As baixas no interior do Brasil ficaram, nesta segunda, entre 0,76% e 2,41%. A exceção ficou por conta de Luís Eduardo Magalhães, na Bahia, onde o preço subiu 1,72% para R$ 59,00 por saca.

Já nos portos, estabilidade em Paranaguá, com R$ 68,50 no disponível e a referência março/2018 em R$ 70,00 por saca. No terminal de Rio Grande, os valores ficaram em, respectivamente, R$ 68,00 e R$ 71,00 por saca. Já em Imbituba, Santa Catarina, o disponível encerrou a segunda com R$ 66,00, caindo 1,49%.

A semana começou lenta para os negócios no mercado nacional. Para o analista de mercado Miguel Biegai, da OTCex Genebra, na Suíça o produtor brasileiro deve estar atento às próximas oportunidades, mas acredita ainda que os negócios só devem voltar a acontecer, com volumes expressivos, com as cotações de volta aos R$ 70,00 nos portos.

Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

← Soja despenca em Chicago nesta 5ª feira com pressão do dólar após bomba política no Brasil - Via Notícias Agrícolas Soja busca recuperação em Chicago e trabalha com leves altas nesta 5ª - Via Noticias Agrícolas →

Deixe seu comentário aqui