Soja trabalha com leves altas nesta 6ª em Chicago e busca recuperação e posicionamento antes do fim de semana – Via Notícias Agrícolas

Soja trabalha com leves altas nesta 6ª em Chicago e busca recuperação e posicionamento antes do fim de semana – Via Notícias Agrícolas

Por: Carla Mendes. O mercado da soja opera em alta na manhã desta sexta-feira (14) na Bolsa de Chicago. Depois da intensa queda registrada no pregão anterior,os futuros da commodity buscam uma ligeira recuperação e alguma estabilidade para encerrar a semana e os traders, um bom posicionamento antes do final da semana e da volatilidade dos últimos dias. Assim, por volta de 7h40 (horário de Brasília), as cotações subiam pouco mais de 8 pontos, com o vencimento novembro/17 valendo US$ 9,95 por bushel.

Segundo analistas internacionais, o foco dos negócios na CBOT, porém, continua sendo o clima no Meio-Oeste americano e as previsões – que continuam indicando um calor intenso, no entanto, agora com algumas chuvas – ainda são combustível para a movimentação dos preços.

Informações atualizadas do Drought Monitor, um sistema que monitora a seca nos Estados Unidos, mostrou que há uma condição de seca extrema ainda nas Dakotas e em Montana. Os mapas indicam também um aumento da área que passa por uma seca moderada em partes do Nebraska e de Iowa. E essas chuvas previstas são esperadas somente até terça-feira.

Dessa forma, o mercado agora se prepara para observar como serão as chuvas deste final de semana no Meio-Oeste americano e, principalmente, como virão as informações do reporte semanal de acompanhamento de safras que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) nesta segunda-feira (17). Na última semana, o boletim indicou 64% das lavouras em boas ou excelentes condições.

Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas
← Soja: Com estabilidade em Chicago e do dólar, preços nos portos do Brasil têm pouca oscilação - Via Notícias Agrícolas Soja: Mercado espera pelo USDA desta 4ª feira realizando lucros na Bolsa de Chicago - Via Notícias Agrícolas →

Deixe seu comentário aqui