upl-prestes-a-comprar-arysta

UPL prestes a comprar Arysta

A empresa indiana de defensivos UPL está próxima de adquirir os negócios da Arystia LifeScience, que é controlada pela Platform Specialty Products Corp, por um valor de mais de US$ 4 bilhões.

De acordo com o Global Crop Protection, o acordo pode ser anunciado ainda esta semana, sendo considerado o maior que envolve uma empresa indiana. 

Segundo o portal indiano Deal Street Asi, a aquisição da Arysta ajudará a UPL a melhorar “suas soluções para atender às necessidades agrícolas locais” e beneficiar suas operações nos mercados internacionais. Isso porque a empresa, com uma força de trabalho de cerca de 3.000 pessoas, foi responsável por cerca de metade das vendas de US$ 3,8 bilhões da Platform no ano passado. 

Banner

Com a aquisição, a companhia pode se tornar a quinta maior do mundo em produtos de proteção de cultivos, de acordo com o The Economic Times. Rakesh Sachdev, CEO da Platform, garantiu que não existe outro caminho viável para que as duas empresas seguissem crescendo senão a separação.  

 

A UPL já participava de um consórcio para adquirir a Arysta desde o dia 19 junho de 2017, apoiada pelo investidor norte-americano Bill Ackman. Em 21 de junho daquele ano a Platform confirmou que estava negociando com um possível comprador, mas se recusou a nomear a empresa. 

“Conforme temos enfatizado constantemente, escolheremos o caminho para nossa separação que acreditamos que vai criar o melhor resultado para nossos acionistas”, disse Sachdev na época em que as negociações iniciaram. 

Segundo o site da UPL, a empresa já participou de 28 aquisições nos 11 últimos anos em investimentos no setor de agroquímicos. No Brasil, a companhia atua nas culturas de soja, milho, algodão, café, cana-de-açúcar, arroz, pastagem, horti-fruti e citros a mais de 10 anos. 

Deixe seu comentário